publicado em 15/01/2018 às 14h42
51 mil candidatos na 2ª fase do XXIV Exame da OAB

Quantos examinandos irão fazer a prova do próximo domingo? Essa pergunta é interessante pois muitos candidatos questionam se a quantidade de candidatos impacta no grau de dificuldade da prova subjetiva.

Vamos ver os dados EXCLUSIVOS do Blog Exame de Ordem para este XXIV Exame da OAB.

Na publicação da lista preliminar de aprovados na 1ª fase do XXIV Exame de Ordem, 47.693 nomes constavam como aprovados. Com a única anulação (que antevimos para vocês), o quantitativo total passou para 50.996 aprovadosUma seja, uma única anulação aprovou mais 3.303 candidatos.

Nesta edição temos, basicamente, 3 vezes mais candidatos na 2ª fase se compararmos com o XXIII Exame de Ordem. E, como bem lembramos, a 2ª fase do XXIII foi bem tranquila para os candidatos, considerando o conceito "tranquilo" como algo razoável dentro da regular dificuldade da 2ª fase da OAB.

As apostas para a 2ª fase do XXIV Exame de Ordem

E o que é regular em uma segunda fase da OAB?

Regular é a aprovação de metade dos examinandos, ou seja, 50% dos candidatos aprovados em regra representa uma prova considerada como boa.

Ao longo desses muitos anos de observação, uma prova que tenha 40% de aprovação na 2ª fase representa uma prova difícil, com muitas reclamações.

A prova do próximo dia 21 será então difícil em função dos muitos aprovados?

Curiosamente, acredito que não.

Já escrevi algumas vezes aqui que a 2ª fase do Exame de Ordem tem mantido uma interessante linearidade ao longo das últimas edições, ou seja, as provas subjetivas têm mantido uma constância na 2ª fase em termos de dificuldade.

Ou seja: o temor que os candidatos naturalmente sentem antes da prova, ao menos na 2ª fase, não tem se justificado. Claro! Pontualmente tem surgido problemas, mas na média as provas têm sido parelhas. Logo, foco na preparação e na revisão das provas anteriores, especialmente a partir do XX Exame.