Mega Revisão Jus21

A melhor revisão para a prova da OAB

publicado em 30/11/2017 às 06h17
Lista de aprovados na próxima segunda: o que esperar?

A preparação para a prova subjetiva, ou não, terá de ser definida partir da próxima segunda-feira, quando os teremos exatos 48 dias para estudar.

O tempo é curto, nós sabemos, mas, ainda assim, a decisão definitiva de vocês deverá ser tomada no dia 13/12, quando de fato saberemos o que vai na cabeça da OAB.

A necessidade de esperar é complicada, pois é preciso usar o tempo ao máximo para uma preparação de qualidade. É preciso esgotar todo o conteúdo a ser estudado, para elaborar muitas petições, para treinar a redação e a caligrafia e para revisar o material todo.

Sigam o Guru da OAB no Facebook

O tempo rege a preparação e é preciso uma boa dose dele, afora muito empenho, para dar conta de tudo.

Isso já está sendo percebido na carne por quem começou os estudos.

E quem não começou por conta da expectativa das anulações?

Nem preciso dizer que em breve vai passar da hora de começar a preparação. Estudar sob pressão não é, definitivamente, algo legal.

Entretanto, excepcionalmente neste ano a OAB não vai divulgar o resultado final da 1ª fase na semana do natal, como tradicionalmente sempre fez. Ela adiantou a divulgação para o dia 13/12, ou seja, bem antes do natal.

Ou seja, do dia 13/12 até o dia 21/01 vocês 39 dias de estudo.

É um prazo apertado, é verdade, mas dá para estudar tudo, especialmente se vocês optarem por um curso online.

Se a dúvida é grande, ESPEREM o resultado final da 1ª fase, pois dará tempo de estudar. Claro, vocês vão assumir que o natal e as festas de final de ano irão para o espaço, mas é o preço a se pagar.

Evidentemente vocês não precisam ficar parados esperando a roda do destino girar. Comprem ao menos um livro de prática da 2ª fase e vão treinando para ganhar tempo. O custo do investimento será bem menor e vocês ficam estudando do mesmo jeito. Arriscar um vade mecum também seria uma boa. E só!

No dia 13/12 vocês poderão tomar a melhor das decisões.

Essa opção, ao meu ver, é a mais prudente agora.

Fiz uma estimativa de um percentual de 70% de REPROVAÇÃO nesta 1ª fase da OAB, o que é alto, mas não tanto quanto a prova passada. Não temos, infelizmente, garantia nenhuma de anulações, mas tão somente expectativas.

A preparação para a prova subjetiva, ou não, depende exclusivamente da coragem de vocês, pois o histórico é abertamente contrário aos candidatos que precisam de 1 ponto.

   

A coragem, e sabemos bem, tem de ser proporcional a esperança, porque a OAB não tem facilitado para os candidatos, tal como vocês podem ver acima.

E o risco é proporcional ao tamanho do histórico de anulações da prova.

A partir do dia 4 vamos conseguir dimensionar direito o contexto.

Neste momento faremos novamente uma avaliação sobre riscos e chances.



FIQUE POR DENTRO
RECOMENDAÇÕES DO BLOG

Cursos, Treinamentos & Produtos

11 ANOS DO
BLOG EXAME DE ORDEM