Pós-graduações do Jus21

Evento com os maiores especialistas em segurança pública e atividades policiais do país.

publicado em 20/07/2020 às 16h00
Jovem advogado criminalista de 27 anos é assassinado em Goiânia

Um jovem advogado criminalista de 27 anos foi assassinado a tiros no último sábado, dia 18, no Setor Cidade Jardim, em Goiânia. Thiago Souza Mendes tinha acabado de sair de um restaurante da região com a esposa quando foi surpreendido pelos disparos. 

A Polícia Militar registrou que a vítima e a esposa estavam no restaurante acompanhados de amigos momentos antes do homicídio. Segundo a corporação, o autor  dos disparos saiu da frente do estabelecimento, atravessou até o canteiro central e atirou na vítima quando  já estava dentro do carro para ir embora, ao lado da esposa. Ninguém mais ficou ferido e os autores conseguiram fugir.

OAB/GO acompanhada as investigações e suscita possível execução

Em nota, a OAB/GO manifestou pesar e informou estar acompanhando as investigações.

Nota oficial

A OAB Goiás soube do lamentável episodio por meio de canais informais e busca nesse memento maiores informações com a autoridade policial. A ordem, por meio de sua Comissão de Direitos e Prerrogativas, é notificada de toda ocorrência envolvendo advogados e acompanha os inquéritos até sua conclusão. Independente das circunstâncias do crime, a OAB-GO se entristece com mais este ato de violência e manifesta seu pesar à família.

Comissão de Direitos e Prerrogativas da OAB-GO

Pelo site, a seccional informou ainda que as circunstâncias do homicídio apresentam indícios de execução, embora não se possa afirmar que o crime tenha relação com a atuação profissional do advogado.

"A notícia da morte do jovem Thiago Souza traz muita tristeza e irresignação à advocacia. Trata-se de uma vida ceifada de modo brusco e injustificado, sintoma de outra epidemia, a violência, que assola o País há muitos anos e exige ainda mais esforços da sociedade e da autoridade pública para ser erradicada", acrescentou a OAB/GO.

A Polícia Civil, responsável pelas investigações, informou aos representantes da Ordem que designou uma força tarefa composta por 20 policiais para apurar e elucidar as circunstâncias do crime.

Além da esposa, o jovem advogado deixa dois filhos.

Com informaçoes de G1OAB/GO



FIQUE POR DENTRO
RECOMENDAÇÕES DO BLOG

Cursos, Treinamentos & Produtos

11 ANOS DO
BLOG EXAME DE ORDEM