Lives estratégicas para a 2ª fase do XXXI Exame de Ordem

Aprenda a fazer a prova em alto nível!

publicado em 02/09/2020 às 08h36
Agora sim estou animado com a volta do Exame da OAB!

Ontem, durante a live do presidente da OAB, onde ele informou as mudanças no Exame de Ordem, deu para perceber claramente que ele estava convicto do que estava falando e convicto de que as coisas iriam acontecer.

Presidente da OAB anuncia 2ª fase facultativa para dezembro

Comunicado oficial: OAB remarca prova para 6 de dezembro

E eu, sempre crítico, desta vez acredito na possibilidade de termos o retorno efetivo do Exame de Ordem.

Aliás, ontem a impressão de retorno da prova foi clara, como nunca havia ocorrido antes em nenhum dos quatro adiamentos anteriores.

E desta vez minha recomendação é forte no sentido da necessidade de vocês retornarem aos estudos.

Quanto aos estudos vocês têm de considerar o seguinte:

1 - Quem vai fazer a 2ª fase do XXXI Exame tem pela frente mais três meses e uma semana para se preparar. É tempo mais do que suficiente para estudar tudo novamente, com larga folga.

Em regra os candidatos têm somente dois meses de estudos. Vocês ainda terão mais três meses! Perfeito para estudar com muita qualidade.

2 - Quem vai fazer a 1ª fase do XXXII tem pelo menos mais quatro meses pela frente! É o momento ideal, inclusive, para se iniciar a preparação e esgotar todo o conteúdo, estudando direitinho.

Em termos de tempo, as condições HOJE são as melhores possíveis!

Quanto ao retorno da prova, temos o seguinte cenário:

1 - Dezembro está 3 meses longe no tempo. Acho bem razoável supor um arrefecimento da pandemia daqui até lá. O suficiente, ao menos, para todos terem uma sensação de segurança maior.

Aparentemente a situação está apresentando um início de melhora. Confiram a reportagem abaixo do UOL, publicada ontem, que mostra esse início de recuo da pandemia:

13 estados e o DF têm queda de mortes por covid; AP, RO e TO registram alta

É possível termos uma melhora mais consistente ao longo dos próximos dois meses.

2 - Eventual arrefecimento da pandemia pode impactar nos decretos estaduais e municipais, que tendem a ser flexibilizados. É bem verdade que ainda não foi resolvida a questão da vedação imposta pelos decretos, mas acho razoável supor que a OAB vai diligenciar junto aos poderes públicos para conseguir viabilizar sua prova.

Na realidade, a Ordem deveria ter isso como meta.

Todos os cursos de OAB do Jus21 - 1ª e 2ª fase - estão com 35% de desconto só até amanhã! Acessem o www.jus21.com.br e aproveitem!

3 - As medidas de segurança apresentadas na live me pareceram bem razoáveis em função do contexto: o distanciamento de candidatos e uso de equipamentos de proteção são exigências indispensáveis para a aplicação da prova, e a OAB pela primeira vez deu um sinal neste sentido. Felipe Santa Cruz disse com todas as letras que a questão sanitária será bem trabalhada.

É necessário reconhecer as dificuldades e a possibilidade futuro de termos um novo adiamento. Enquanto estivermos nesta pandemia nada é certo. Contudo, considerando o momento, efetivamente sinto que agora, pela primeira vez nesta pandemia, estamos vendo um horizonte claro a nossa frente.

Tenho muita esperança de termos essa prova no dia 6 de dezembro.

Minha recomendação: estudem!

Estudem pois a prova está agora mais perto do que longe.



FIQUE POR DENTRO
RECOMENDAÇÕES DO BLOG

Cursos, Treinamentos & Produtos

11 ANOS DO
BLOG EXAME DE ORDEM