Estatísticas

Reprovação no XXI Exame de Ordem foi de 85%

Reprovação no XXI Exame de Ordem

O XXI Exame de Ordem, certamente, é uma edição a ser esquecida. Uma prova de primeira fase macabra (a 2ª pior de todos os tempos, segundo minha percepção) e um resultado de 2ª fase absolutamente patético, com uma pisada de bola homérica por parte da FGV.

Uma lástima, pois o desastre da primeira fase poderia ter sido obliterado por uma correção decente das provas subjetivas. A segunda fase foi redondinha, sem falhas, com provas e padrões corretos, até mesmo palatáveis, mas a FGV não consegue ficar quieta e alguma pisada no tomate precisa acontecer para estragar, para variar, o trabalho.

O tamanho da lambança!

Já deu! A era FGV tem de chegar ao fim!

Enfim…

Tivemos aproximadamente 120 mil candidatos estão inscritos no XXI Exame de Ordem, o que é um número regular de inscritos considerando a média das edições anteriores.

A reprovação na 1ª fase do XXI, sem as duas anulações de ofício, é desconhecida, mas foi bem pesada. Com a divulgação da lista de aprovados descobrimos quando foram aprovados na prova objetiva: 20.510 examinandos.

Isso deu um percentual aproximado de 17,09% de aprovação ainda na 1ª fase. Se a média histórica do Exame de Ordem na era FGV, contando com as duas fases, é de 18,5%, então a prova da 1ª fase foi bem mais complicada do que a média.

Considerando os examinandos oriundos da repescagem passada (18.759), tivemos um total de 39.269 candidatos na 2ª fase.

Reprovação no XXI Exame de Ordem foi bem pesada!

Com a divulgação da lista na última terça-feira tivemos 18.137 aprovados finais no XXI Exame, o que dá 15,11% de aprovação considerando o total de inscritos, e 46,18% de aprovação considerando o total na 2ª fase.

Se não fosse os candidatos vindos da repescagem, a aprovação final ficaria bem abaixo, mas muito abaixo mesmo.

Moral da história: o XXI Exame foi de chorar.

Há ao menos o alento de que as correções da banca serão um pouco mais criteriosas depois do desastre de terça-feira.

É o mínimo que se espera.

Maurício Gieseler

Advogado em Brasília (DF), este blog é focado nas questões que envolvem o Exame Nacional da OAB, divulgando informações e matérias atualizadas, além de editoriais, artigos de opinião e manifestações que dizem respeito ao tema. Colocamos, também, a disposição de nossos visitantes provas, gabaritos, dicas, análises críticas, sugestões e orientações para quem pretende enfrentar o certame. Tudo sobre o Exame de Ordem você encontra aqui.

Newsletter